1/10
  • RX Portugal

Calor foi rei em primeiro dia de corrida de Montalegre 2

Regresso quente do RX Portugal by Transwhite a Montalegre para a 4ª jornada do ano, tanto em pista como em termos de temperatura do ar.



Que diferença fazem pouco mais de três meses entre a abertura da época do Campeonato de Portugal de Ralicross by Transwhite, em Montalegre, e o regresso a Terras do Barroso neste fim-de-semana, com as temperaturas negativas e a neve a darem lugar a um abrasador fim-de-semana de Verão, com temperaturas acima dos 30ºC e muito pó no ar. Ainda assim, pilotos e máquinas deram boa conta do recado e mostraram boa adaptação às condições climatéricas com que se depararam.


Respeitando a tradição, os primeiros a irem para a pista para a Corrida de Qualificação 1 foram os mais jovens dos Iniciados de Ralicross, que se voltaram a encontrar em pista pela primeira vez após as emoções mais fortes e o muito sangue na guelra a que se assistiu em Lousada. Desta feita, e pelo menos neste dia de sábado, os ânimos estiveram mais contidos, com o líder da classificação geral Duarte Camelo a começar com o pé direito. O piloto do Peugeot 106 impôs-se aos demais, com Guilherme Nunes a pouco mais de dois segundos e Rafaela Barbosa a fechar o pódio, a uns distantes sete segundos da frente, e com Gonçalo Rocha em quarto, a mais de 18 segundos do vencedor.


Já nas 2 Rodas Motrizes, segunda prova do programa deste sábado, a ausência de última hora de Nuno Queirós levou a um ligeiro atraso nos procedimentos de partida, com a conversão de duas Séries de Qualificação numa apenas, já que sem o homem do Citroën Saxo a alinhar eram apenas cinco os concorrentes em prova. Refeita a grelha, Fernando Silva foi quem largou melhor com o Seat Ibiza, assumindo o comando das hostilidades, na altura com forte oposição de Adão Pinto. Contudo, na segunda volta o Campeão em título voltou a ser tocado pelo azar e teve de desistir. Com isto, o homem do único diesel em competição ficou mais liberto, mas nem por isso teve tarefa fácil, já que Bruno Campos, no final e após má partida, colou-se à traseira do Ibiza e vendeu cara a vitória do rival, cruzando a linha de meta a apenas 0,370s. A fechar o pódio deste sábado ficou Andreia Sousa, com pouco mais de dois segundos de atraso para o vencedor.


Enquanto isso, na Nacional 1.6, Leandro Macedo não teve problemas em levar de vencida este primeiro embate do fim-de-semana, com mais de sete segundos de vantagem sobre Telmo Costa, que nos treinos livres sofreu um capotanço na Curva 1. No mais baixo do pódio ficou Ricardo Costa, com 13,227s de atraso para a frente.


No que concerne aos Super Cars, e com Oscar Ortfeldt a vir até Montalegre, mas a acabar por nem treinar, o duelo fez a dois, com José Oliveira a levar a melhor sobre Joaquim Santos. O piloto da Ford Focu ainda começou melhor, assumindo a liderança, mas começou a perder ritmo e acabou por terminar com 2,8 segundos de atraso para o piloto do Peugeot 208.


Praticamente a fechar o programa do dia, o Troféu Júnior de Kartcross, João Dinis foi quem melhor se deu com a pista de Montalegre neste sábado, levando de vencida a corrida com 1,203s de margem sobre Guilherme Matos, também em Semog Bravo, enquanto o mais baixo do pódio ficou para o LBS RX01 de Yéssica Lorenzo.


Resultados

189 visualizações0 comentário